Psicóloga cristã vai a julgamento por ajudar homossexuais


homofobia_crime1

Conselho Federal de Psicologia decide no dia 31 se cassa licença da psicóloga evangélica, Rozângela Alves Justino. Em entrevista, Rozângela diz que homossexualidade é uma “doença”. Resolução veta tratar questão como doença e recrimina indicação de tratamento; se o registro for perdido, será a 1ª condenação do tipo no país.

Resolução do próprio conselho proíbe há dez anos os psicólogos de lidarem a homossexualidade como doença e recrimina a indicação de qualquer tipo de “tratamento” ou “cura”.

Rozângela, que afirma ter “atendido e curado centenas” de pacientes gays em 21 anos, diz ver a homossexualidade como “doença” e que algumas pessoas têm atração pelo mesmo sexo “porque foram abusadas na infância e na adolescência e sentiram prazer nisso”.

“Tenho minha experiência religiosa que eu não nego. Tudo que faço fora do consultório é permeado pelo religioso. Sinto-me direcionada por Deus para ajudar as pessoas que estão homossexuais”, afirma. A cassação de Rozângela, que atende no centro do Rio, foi pedida por associações gays e endossado por 71 psicólogos de diferentes conselhos regionais.

Segundo Rozângela, que já foi condenada a censura pública no conselho regional do Rio no final de 2007, “o movimento pró-homossexualismo tem feito alianças com conselhos de psicologia e quer implantar a ditadura gay no país. É por isso que o conselho de psicologia, numa aliança, porque tem muito ativista gay dentro do conselho de psicologia, criou uma resolução para perseguir profissionais”, afirma.

No Rio, Rozângela participa do Movimento Pela Sexualidade Sadia, conhecido como Moses, ligado a igrejas evangélicas.

A Sociedade Americana de Psiquiatria retirou a homossexualidade do diagnóstico de doenças em 1974, seguida, uma década depois, pela Organização Mundial da Saúde. “Se absolvê-la, o Conselho Federal de Psicologia vai referendar a tese de que é possível “curar” gays”, diz Toni Reis, presidente da ABGLT, a associação brasileira de homossexuais.

“Isso traz prejuízo aos gays e contribui para fortalecer o estigma”, afirma Cláudio Nascimento, superintendente da Secretaria de Direitos Humanos do Rio e do grupo Arco-Íris. “Vejo [o pedido de cassação] como uma injustiça”, diz Rozângela, que, se cassada, pensa em recorrer à Justiça comum.

De um lado, cem entidades gays de todo o país vão levar um manifesto e manifestantes no dia do julgamento de cassação de registro de Rozângela, no próximo dia 31, em Brasília. Do outro, ela diz que vai reunir alguns ex-gays e psicólogos amordaçados para protestar contra a censura que diz sofrer. “É a Inquisição para héteros”, diz terapeuta.

No Brasil, atualmente é quase crime tentar ajudar um homossexual que deseja ser heterossexual. Ou seja, daqui a pouco, pessoas comuns, que ajudam homossexuais que tiveram uma experiência com Deus e desejam se tornarem hetoros, se tornarão criminosos. Hoje já são acusados de homofobia. É a ditadura “gay”, na luta pela “liberdade” de uns, querendo punir com cadeia a outros.

Anúncios

Uma resposta para “Psicóloga cristã vai a julgamento por ajudar homossexuais

  1. A gente cansa de repetir em brados, que deveríamos viver, andar, pensar, falar, fazer como Jesus fez. Mas, na hora “h” e no dia “d”, acabamos por querer ser quem realmente somos. Um psicologo ou qualquer ser vivente, se quer ao menos manter a sanidade sobre si mesmo, não pode tratar a opção sexual como doença, até porque a Bíblia classifca como “pecado”. E o Mestre, com todo o poder e não “tendo usurpado ser igual a Deus” , jamais classificou pessoas por decisões espiritualmente equivocadas de doente ou classificou-as com qualquer outro teor. Caso a irmã seja de alguma forma punida, espero que no período de reclusão, pense muito antes de dizer. E que esqueça um pouco Freud (ou lembre mais ainda) e leia um “cadinho” + de Bíblia. Por isso não me empolgo com a nação que se auto-intítula evangélica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s